Bandas parnaibanas estão entre as selecionadas para o festival Teresina É Pop

Um dos principais festivais da cidade, Teresina É Pop, volta em 2017 valorizando não só a música como a arte e cultura em geral. Quinze bandas foram selecionadas nesta segunda-feira (07) e irão se apresentar nos dias 24, 25 e 26 de agosto no Teresina Hall. O local foi cedido como presente a cidade, pois o evento encerra a programação de aniversário do município em um grande espetáculo cultural.
Realizado pela Prefeitura de Teresina através da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves o festival será aberto para todas as idades e para todos aqueles que valorizam a cultura local.
Em sua 15ª edição, o Teresina É Pop volta a impulsionar a produção musical da cidade e abrange outras áreas que envolvem a arte até mesmo esportiva. “Esta edição teremos parede de escalada, grafite, palhaçaria, atividades circenses, cartunistas, apresentações de danças como Hip Hop e Street Dance, sarau, sebo de vinil e muito mais”, disse Machado Júnior, organizador do evento.
A festa tem como objetivo comemorar o aniversário de Teresina, promovendo um momento de lazer com música gratuita para a população além de outras atividades lúdicas como teatro, poesia, grafite, audiovisual e circo, como forma de mostrar os talentos locais.
De 52 inscritos, 15 bandas foram selecionadas por uma equipe formada por três curadores ligados a produção cultural. Pop, rock, reggae, heavy metal, hardcore, instrumental, confira as bandas:
André De Sousa (The)
Bia E Os Becks (The)
Campo Minado (The)
Chalice Of Throe – (Floriano)
Cianeto Hc (The)
Cidade Estéril (The)
Deguella (The)
Fronteiras Blues (The)
Fullreggae (The)
Jah Une (The)
Hugo Dos Santos (The)
Mero Homem (The)
Negative Green (Phb)
Scud – (Phb)
Vulgo Garbus (The)
Nesta quarta-feira (09) acontece a primeira reunião entre bandas e organização do Festival para esclarecer dúvidas e assinatura de Termo de Compromisso, além da apresentação do conceito da edição. A reunião será na Casa da Cultura às 11h e será aberta a imprensa.
Imagem: Cidade Verde
Parabenizamos os parnaibanos das bandas Scud e Negative Green por terem sido escolhidos para fazer parte do evento!

Comentários

  1. Uma fundação Cultural com conselhos complementares funciona melhor do que a encomenda!! Uma instituição tanto pública quanto privada para o serviço do ministério da Cultura. " A César o que é de César".

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas